Palácio de Abu Dhabi está aberto – Por Sabrina Saraiva

Tem novidade em Abu Dhabi!! Além das tradicionais atrações, agora o turista poderá visitar o Palácio da Nação, residência oficial do presidente dos Emirados Árabes Unidos emir Khalifa bin Zayed Al Nahyan desde 2004.

Infelizmente, desta vez, nosso grupo não conseguiu visitar o local, mas realmente eu não poderia deixar de registrar aqui essa super dica para os viajantes. Vale lembrar que as fotos abaixo são divulgação de sites de turismo da cidade de Abu Dhabi.  #Pegaadica #passeioshow

Segundo o que dizem na imprensa, a ideia de abrir o luxuoso palácio para turistas faz parte de um plano para transformar Abu Dhabi na “Paris do Oriente Médio”. Na verdade esse plano já está em andamento… já temos por aqui o Louvre, não é mesmo?

Recentemente, a parte interna foi aberta à visitação pública pela primeira vez na história. Os turistas podem conhecer “a humilde casinha” todos os dias da semana, entre 10 da manhã e 8 da noite, por apenas US$ 6,81 (R$ 14,44).

Além de ser considerado uma das mais luxuosas obras do mundo, o Palácio também abriga a livraria Qasr Al Watan Library com mais de 50 mil livros. O complexo presidencial também inclui as residências do vice-presidente e do príncipe herdeiro. Segundo o que dizem na imprensa, a ideia de abri-lo para turistas faz parte de um plano para transformar Abu Dhabi na “Paris do Oriente Médio”.

O Louvre de Abu Dhabi – Por Sabrina Saraiva

Hoje nosso passeio foi pura arte!! Que lugar lindo meus leitores! Para os amantes de arte, esse roteiro é imperdível! Quando você estiver por aqui, saiba que o museu tem um horário bem amplo, pois funciona das 10h às 20h. E o  ingresso custa cerca de R$ 60,00.

Sua arquitetura já é uma exibição à parte!

O museu foi inaugurado em 2017 e recebeu esse nome por conta de um acordo com o Louvre francês.

No exemplar de Abu Dhabi, há exibições de artistas orientais e ocidentais – algumas “emprestadas” do irmão francês.

Combinando arquitetura moderna e inspiração de tradições de algumas regiões, o design reflete o desejo de criar um museu universal, no qual diversas culturas são apresentadas juntas. Dois terços do museu são cobertos pelo domo branco, uma característica emblemática da arquitetura árabe, evocando mesquitas, mausoléus e madraçais.

O museu garante um abrigo fresco, forma um espaço de sombra durante o dia e um “oásis de luz sob um domo brilhante” à noite.

Café com Ouro no Emirates Palace – Por Sabrina Saraiva

Estava empolgadíssima por esse passeio! Pois fomos num dos principais pontos turísticos de Abu Dhabi: O hotel Emirates Palace. Como o próprio nome sugere, o suntuoso hotel é como um palácio, cheio de ouro e glamour, algo realmente que se destaca aos olhos. Vale lembrar que você não precisa estar hospedado no hotel para poder desfrutar dessa iguaria! Ainda bem, né?!

Na verdade, a bebida é um cappuccino. A folha de ouro vem cobrindo a xícara.  Custa em torno de 70 reais e acompanha dois bombons. Você toma o cappuccino e fica com os dentes dourados! (risos)  O gosto não muda muito, mas como eu disse… vale pela experiência e pelas fotos!  O Cappuccino estava ótimo também!

O LUXUOSO HOTEL 

O hotel Emirates ocupa uma área de 84 hectares, que inclui uma praia, spas, piscinas, helipontos, uma marina, dezenas de salas de reuniões, auditório, ballroom, lojas e restaurantes internacionais.

Descobrimos todo, são 394 dependências, sendo 92 suítes, 22 suítes residenciais de 3 quartos cada e 6 suítes destinadas à realeza do Golfo Pérsico. A grande maioria são decoradas com mármore, ouro e cristais Swarovski! Luxo do luxo!

Abu Dhabi e sua grande mesquita – Por Sabrina Saraiva

No segundo dia de viagem fomos para Abu Dhabi.  E nosso primeiro passeio foi pela maior mesquita do mundo! É impossível não se emocionar ao avistar a construção, de branco puríssimo e arquitetura tradicional, se levantar em meio a uma cidade tão moderna. A Mesquita é sinônimo de crescimento e modernização do lugar.

Descobri que a Mesquita é projeto do finado Sheikh Zayed bin Sultan Al-Nahyan, um dos principais articuladores da união dos Emirados Árabes – e, por isso, nomeado o primeiro presidente do país e adorado em todos os sete Emirados. Ele deu a visão geral, iniciou a construção nos anos 90, mas faleceu cerca de 3 anos antes de ver a inauguração, em 2007.

A Mesquita fica na entrada da Abu Dhabi City Island, estrategicamente visível das três principais pontes conectando a ilha ao continente: a Maqta, a Mussafah e a Sheikh Zayed. O local foi escolhido por representar a conexão emocional da Mesquita com os corações de todos os cidadãos dos Emirados Árabes.

Mais 40 mil fiéis cabem em suas estruturas: 10 mil na área interna e 30 mil em áreas externas. Nos últimos números disponíveis, de 2013, recebeu mais de 3.3 milhões de visitantes em um ano.

A construção, composta de quatro minaretes e 82 domos, representando diferentes estilos Islâmicos (como o Mameluco, o Otomano e o Fatímida), é revestida de mármore nas paredes externas e possui versos do Corão e ornamentações islâmicas entalhadas em relevo.